DICA DO BETO: MERCADO IMOBILIÁRIO PROMETE RECUPERAÇÃO EM 2019

O último trimestre de 2018 apresentou uma tímida recuperação do setor imobiliário, mas muitos investidores ainda ficam desconfiados na hora de pensar em investir, devido ao medo dos reflexos da crise econômica que o país enfrentou. A boa notícia é que em 2019 a retomada da economia, segundo especialistas, promete ser positiva. Se você faz parte do time que ainda está em dúvida, vale a pena conferir as tendências animadoras para este ano.

A aceleração ou a desaceleração do mercado imobiliário estão totalmente ligadas aos indicadores econômicos do país. Ou seja, em período de crise, o setor é um dos mais impactados negativamente. Mas 2018 já começou com boas novas para a economia, e o destaque são os juros e a inflação em baixa.

O crescimento do país, somado à redução da taxa de desemprego, é o fator que mais repercute no interesse dos clientes para que voltem a consumir. Há também outros fatores importantes como, por exemplo, a redução da inadimplência, que impacta diretamente no futuro do mercado, também acredita que o ano de 2019 será de recuperação e transição para 2020, que promete ser promissor para o mercado imobiliário, deixando para trás os resquícios da recessão.

Entramos em um ótimo momento para investir em terrenos e imóveis

O mercado conta com muitas opções de terrenos e imóveis que estão com preços estagnados, oferecendo uma boa oportunidade para quem deseja investir. Vale reforçar também que, com a queda da taxa Selic, o investimento em imóveis oferece rentabilidade maior do que a renda fixa, quando consideramos o médio e longo prazo

Loteamentos já eram uma boa opção na crise e agora são tendência no momento de recuperação!

Mesmo nos últimos períodos de recessão, os loteamentos se mostraram uma boa opção, principalmente devido ao potencial de valorização e às possibilidades que eles oferecem. Empreendimentos horizontais podem servir de apoio para o crescimento dos arredores ao atrair serviços e melhorar as áreas circunvizinhas. As oportunidades são variadas. Outro ponto positivo é o “ticket” de um terreno, que é muito mais baixo que o de um imóvel pronto. Até mesmo ao considerar a construção de uma casa, o valor investido no geral tende a ser menor que o de apartamentos prontos, por exemplo. Esse é um bom indicativo para quem quer se planejar com um pouco mais de calma e não comprometer toda a renda familiar.

Outro ponto importante é a busca de mais qualidade de vida e de moradia no interior brasileiro. Os empreendimentos horizontais são muito fortes nessas regiões e oferecem uma estrutura que combina totalmente com a cultura de viver com mais segurança, tranquilidade e opções de lazer ao lado de casa. Essa é uma opção interessante tanto para quem deseja construir a primeira casa como até mesmo para quem quer investir e ter esse bem valorizado.

Terrenos são vantajosos, mas quais são as dicas para investir com segurança?

Pesquise bastante sobre a empresa que está promovendo o desenvolvimento do projeto. A solidez e a história da marca trarão segurança e evitarão dores de cabeça na entrega da obra.

É essencial entender a fundo o financiamento escolhido para não ter imprevistos ao longo do tempo de pagamento. No mercado de loteamentos, por exemplo, existem alguns tipos de tabela de vendas, por isso é importante entendê-las muito bem para não comprometer a renda familiar.

Exija todo tipo de documentação relacionada com aprovação e registro do empreendimento para certificar-se de que todo o processo foi feito dentro da lei.

E, por fim, mas não menos importante, leia atentamente o contrato para garantir que todas as cláusulas atendem suas expectativas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *